Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

NO VAGAR DA PENUMBRA

NO VAGAR DA PENUMBRA

MOURA ENCANTADA

Dezembro 12, 2012

J.J. Faria Santos

Já sabíamos que Ana Moura existia para além do fado. Poderíamos, contudo, recear que a sua veia experimentalista a fizesse correr o risco da descaracterização, ou que a leveza das novas rotas desvirtuasse a gravidade do rito fadista, retirando-lhe profundidade. Só que, porventura inspirada pela letra que Paulo Abreu de Lima escreveu para o tema Despiu a Saudade (“Vai p’ró espelho, faz-se bonita / Lábios vermelhos, corpo de chita”), ela foi buscar ao felino a astúcia e a velocidade, o engenho e o risco, para um trabalho que esbate fronteiras, em mais que um sentido. Que a harmonia e a coerência de Desfado não se ressinta da diversidade é um triunfo adicional. Porque afinal não é assim tão grande a distância que vai de A Case of You  (Joni Mitchell - “Go to him , stay with him if you can / But be prepared to bleed”) até O Espelho de Alice (Nuno Miguel Guedes - “Todas as coisas são estranhas / Todas as dores são tamanhas / E eu o seu inventário…Mas na louca lucidez / eu sei que esta é a vez / em que o fim é recomeço”).

Talvez nunca antes o espírito do fado tenha estado tão virado para o futuro. Em Como Nunca Mais  (Tozé Brito), Ana Moura começa por convidar a saudade a entrar (“Saudade, vá, entra à vontade / Porque eu já esperava que fosses voltar”) para terminar numa declaração de fúria de viver (“Não há dois dias / Nunca iguais / E eu quero viver cada dia / Como nunca mais”.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D